Espetáculo acontece dia 26 de setembro, no Teatro Positivo, sob regência do maestro Stefan Geiger

Crédito: City Lights © Roy Export S.A.S

A arte e genialidade do cinema mudo feito por Charlie Chaplin com a musicalidade do mais tradicional grupo de música erudita do Paraná dão forma ao CHAPLIN – CITY LIGHTS, Filme-Concerto com a Orquestra Sinfônica do Paraná – Série de Apresentações Extravagantes. A apresentação, com regência do maestro Stefan Geiger, ocorre no dia 26 de setembro, no Grande Auditório do Teatro Positivo. Os ingressos a preços populares de R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia) podem ser adquiridos pelo Disk Ingressos. A ação faz parte das comemorações de 10 anos do Teatro e inicia um calendário anual de atrações voltadas à música clássica e erudita, patrocinado pelo Grupo Positivo.

O programa contempla a trilha sonora do filme Luzes da Cidade (City Lights), que será executada ao vivo pela Orquestra Sinfônica do Paraná, acompanhando a projeção do filme no palco. O espetáculo será regido pelo maestro alemão Stefan Geiger – titular da Orquestra Sinfônica do Paraná, corpo estável do Centro Cultural Teatro Guaíra, além de idealizador do Instituto de Apoio à Orquestra Sinfônica do Paraná (IAOSP).

Luzes da Cidade é um filme de comédia romântica americano produzido em 1931, estrelado, escrito e dirigido por Charles Chaplin, que conta a história de um infeliz, mas complacente andarilho que se apaixona por uma jovem florista cega nas ruas da cidade. A película representa o auge da versatilidade do artista em um período crítico de sua carreira, quando o cinema mudo dava lugar à inserção sonora. Assim, o filme ganhou um dramático acompanhamento musical e efeitos sonoros pontuais. O próprio Chaplin foi responsável pela composição da trilha sonora.

“Muita gente não sabe que além de ator, ele também produzia, dirigia e compunha as músicas de seus filmes. Mesmo sem saber escrever música, Chaplin narrava para compositores aquilo que queria ouvir e só aceitava quando estivesse exatamente do jeito que ele havia imaginado”, declara o maestro Stefan Geiger.

O CHAPLIN – CITY LIGHTS, Filme-Concerto com a Orquestra Sinfônica do Paraná – Série de Apresentações Extravagantes é uma realização do Instituto de Apoio à Orquestra Sinfônica do Paraná – IAOSP, em parceria com o PalcoParaná, Centro Cultural Teatro Guaíra, Governo do Estado do Paraná, Ministério da Cultura e Governo Federal, por meio da Lei Rouanet, com patrocínio do Grupo Positivo e apoio da Andersen Ballão Advocacia.

Tudo está sendo produzido em conformidade com o The Chaplin Office e suas respectivas associações de direitos de imagem e reprodução das obras (França, Itália e Estados Unidos estão envolvidos nas negociações).

Sobre o Instituto de Apoio à Orquestra Sinfônica do Paraná 

O Instituto de Apoio à Orquestra Sinfônica do Paraná (IAOSP) foi criado em novembro de 2016, por iniciativa do maestro Stefan Geiger e de entusiastas apoiadores da arte e da cultura paranaense. Entre eles estão o seu presidente, o advogado Wilson José Andersen Ballão, e seus diretores, o produtor cultural Samuel Lago e a gerente do Goethe-Institut Curitiba, Claudia Römmelt.

CHAPLIN – CITY LIGHTS, Filme-Concerto com a Orquestra Sinfônica do Paraná – Série de Apresentações Extravagantes marca a atuação desta associação civil sem fins lucrativos que trabalha em prol da Orquestra Sinfônica do Paraná e da música clássica paranaense, com o objetivo de viabilizar projetos e atividades em parceria com instituições, públicas e privadas, comprometidas com a valorização e o fomento da música erudita.

Leave your vote

150 points
Upvote Downvote